Emergência 193

Notícias

ENCONTRO

Confraternização reúne histórias vividas dentro do Corpo de Bombeiros Militar

16/04/2018 - 13:50
Augusto Pereira

O ano de 1964 foi especial para o Tenente BM Edino Fontoura por ter sido o ano da sua entrada no Corpo de Bombeiros. Para o Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso também foi um ano especial por ser o ano da sua criação. Isso faz do Tenente Fontoura um dos mais antigos bombeiros presentes na 1ª Confraternização de Bombeiros Militares da Reserva, realizada neste sábado (14/04), no espaço de eventos Embauval, em Várzea Grande.

O Comandante-geral do Corpo de Bombeiro Militar de Mato Grosso, Coronel BM Alessandro Borges, esteve presente ao evento e ressaltou que a proximidade entre os militares da reserva e os da ativa é desejável para que a instituição seja forte. “Os militares que estão na reserva são detentores de uma parte da história do Corpo de Bombeiros que muitos da ativa não viveram, já os da ativa são responsáveis pelo presente, pela atualização da instituição”, ponderou o Comandante.

O primeiro comandante da unidade do Corpo de Bombeiros de Rondonópolis prestigiou o encontro de bombeiros da reserva. O Capitão João Batista Farias contou que antes da unidade ser o 3º Batalhão era a Sessão de Combate a Incêndio de Rondonópolis e ficava em outro lugar. Ele era sargento na época e conta que “uma empresa que comprava e ensacava arroz tinha dívidas com o Governo do Estado e, como amortização do passivo, cedeu o terreno onde hoje está o 3º Batalhão de Bombeiro Militar”.

Entre os presentes estava o Capitão Tadeu Dias da Conceição, esportista e incentivador do esporte no CBM. Ele conta que começou a praticar atletismo no Exército, depois no CBM continuou com o esporte alcançando bons resultados em corridas acima de 1.500 metros. O Capitão conta que participou, em 1977, da organização da 1ª Corrida Homens do Fogo, realizada pelo Corpo de Bombeiros. Ele participou e competiu, ficando em segundo lugar, à frente do vencedor da São Silvestre, João da Mata.

Militares que moram em Sinop, Sorriso, Barra do Garças e Rondonópolis viajaram de suas cidades para participarem do encontro. O Tenente L. Carlos, membro da comissão organizadora, contou com satisfação que “é uma oportunidade de encontrar amigos e colegas que não se veem há muito tempo, alguns há mais de vinte anos”. O recurso para o almoço e para a realização foi arrecadado entre os militares da reserva, mas igualmente importante é o apoio institucional da corporação.

A comissão de organização espera que esse seja um pontapé inicial de encontros que terão uma periodicidade regular.

O CBM MT também está no Facebook e Instagram. Siga-nos!